Rio de Contas e mais 15 cidades do Sudoeste não registram mortes violentas há mais de 1 ano

 

 






Em levantamento da Polícia Civil (PC), o estado da Bahia tem 25 cidades que não registram mortes violentas há mais de um ano, entre elas, 16 cidades estão na região sudoeste. As informações foram coletadas pelo portal g1 em conjunto com a PC e, são relacionados aos Crimes Violentos Letais Internacionais (CVLI). De acordo com o levantamento, são considerados CVLI os casos onde estão envolvidos homicídios dolosos, agressões e roubos seguidos de morte (latrocínio). A cidade de Rio do Antônio, localizada a cerca de 203km de Vitória da Conquista, é o município baiano que está há mais tempo sem contabilizar Crimes Violentos Letais. Por lá, a última ocorrência foi em setembro de 2014. Em Rio de Contas, na Chapada Diamantina, a última morte violenta ocorreu há exatamente seis anos: em 22 de julho de 2016 Entre as cidades que estão há mais tempo sem registrar CVLI, Érico Cardoso é o município que registrou mais recentemente um assassinato deste tipo, em dezembro de 2020. As 16 idades são: Rio do Antônio, Botuporã, Rio de Contas, Lajedo do Tabocal, Caetanos, Malhada de Pedras, Irajuba, Anagé, Contendas do Sincorá, Guajeru, Mirante, Ituaçu, Sebastião Laranjeiras, Caturama, Érico Cardoso.

Nenhum comentário:

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

MAIS LIDAS DA SEMANA