Brumado/BA: Seca deixa moradores sem banho e crianças vão à escola sem escovar os dentes

 

 


Os moradores estão padecendo com a falta de água na comunidade rural da Gameleirinha, em Brumado. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, a moradora Jeane Bernardes relatou que os reservatórios estão secos e tem pessoas que não tomam banho há oito dias. “Aqui tem oitenta e tantas casas e está todo mundo no mesmo barco: sem uma gota de água”, disse. Jeane contou ainda que as crianças estão indo para escola sem escovar os dentes tamanha a gravidade da situação de desabastecimento na localidade. “Só estão deixando os meninos entrar na escola porque usam máscara”, afirmou. Controladora de um poço artesiano na região, Bernardes afirmou que a única água disponível é salobra e sem tratamento. O líquido está sendo utilizado pela comunidade para preparação da comida. “A situação aqui tá feia. Quem quiser pode vim comprovar”, convocou. Na Gamelerinha, muitos idosos, inclusive um senhor de 110 anos, além de crianças, têm recebido água regrada para beber. Uma única família na localidade conseguiu comprar, depois de muita pechincha, um carro pipa no valor de R$ 500. A crise hídrica afeta as comunidades rurais, sem nenhuma ação da prefeitura de Brumado ou da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa). Com isso, os moradores esperam a operação pipa que deve ser retomada apenas em setembro 

Nenhum comentário:

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

MAIS LIDAS DA SEMANA