Primeiro caso da varíola dos macacos é confirmado no Brasil

 

 

 


O primeiro caso da Monkeypox, conhecida como varíola dos macacos, foi confirmado nesta quarta-feira, 8 de maio, no Brasil. Um homem de 41 anos, natural de São Paulo, foi diagnosticado com a doença depois de viajar por Espanha e Portugal. As informações foram confirmadas pelo portal Uol.
Ele está internado no Instituto de Infectologia Emílio Ribas, na capital paulista. Segundo a Secretaria de Estado de Saúde de São Paulo, o homem teve sintomas como febre e mialgia a partir de 28 de maio. 

As amostras do caso ainda estão em análise pelo Instituto Adolfo Lutz, que é a referência e o Laboratório Central em Saúde Pública (Lacen), de São Paulo. 

O Ministério da Saúde ainda investiga outros sete casos suspeitos da doença. Os demais são pacientes que vivem em Porto Alegre, Corumbá-MS, Blumenau-SC, Dionísio Cerqueira-SC, Rio Crespo-RO (2) e Pacatuba-CE. Cinco suspeitas são em homens e três em mulheres, e seis deles têm de 25 a 32 anos.
 
Vacina contra a varíola

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, confirmou que o Brasil já tem vacina desenvolvida para a doença e disse que não há motivo para preocupação. 

“Não é uma vacina igual a usada no passado para varíola, mas é uma vacina de vírus inativo não replicante. Trabalhamos em parceria com a Opas (Organização Pan-Americana da Saúde). Se houver necessidade, teremos vacina para aplicar no público-alvo, que são profissionais de saúde com contato direto com pacientes”, disse o ministro.
Foto: Shutterstock

Nenhum comentário:

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

MAIS LIDAS DA SEMANA