Prefeita de cidade baiana contrata show de Gusttavo Lima por R$ 704 mil para realizar sonho de conhecer artista

 

 

 


Para realizar o sonho de ver o cantor sertanejo, Gusttavo Lima, cantar na cidade de Teolândia, no baixo-sul da Bahia, durante a Festa da Banana, a prefeita Maria Baitinga de Santana (PP), conhecida como Rosa, vai desembolsar R$ 704 mil por uma apresentação de 1h30 do artista, no evento que acontece a partir do próximo sábado (4), e se estende até o dia 13 de junho.

De acordo com uma reportagem do Estadão, o município, no evento, vai gastar R$ 1,2 milhão para custear os cachês dos artistas, mesmo após ter sofrido com as chuvas, em dezembro do ano passado, e no momento em que a população ainda enfrenta os efeitos dos desastres. Gusttavo Lima se apresenta na festa neste domingo (5).

O evento é bancada pela Prefeitura, mas conta também com dinheiro de patrocinadores. Contudo, a gestão municipal não informou a fonte dos recursos para pagar os artistas.

Porém, os cachês não são os únicos gastos da Prefeitura para realizar a Festa da Banana. Só de fogos de artifício serão adquiridas mais de 900 caixas, além da montagem dos palcos e da infraestrutura para o evento.

O valor para pagar o cachê dos artistas é maior do que o destinado para conter os danos das fortes chuvas. Em dezembro passado, o governo federal destinou R$ 1,14 milhão para “ações de resposta” à chuva na cidade baiana. O dinheiro saiu do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR).

Em resposta ao Estadão, Rosa Baitinga confirmou a contratação e o motivo pela escolha: “Porque gosta, o pessoal daqui gosta muito dele”, disse a prefeitura.

A gestora não respondeu se os recursos são próprios ou de outra fonte, como transferência federal ou emenda parlamentar, mas declarou que a festa tem “vários patrocinadores” porque a prefeitura sozinha não consegue bancar o evento.

“Teolândia não está nessa confusão, não”, afirmou, ao negar irregularidades e dizer que não falta dinheiro para o combate aos efeitos da chuvas. “Não está faltando, não, graças a Deus.”

Investigação

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) também resolveu averiguar irregularidades em uma das apresentações de Gusttavo Lima, na contratação do artista em Magé, após a abertura de investigação em Roraima e Minas Gerais, por conta da cobrança abusiva no cachê do artista.

O gasto de dinheiro público para bancar o cachê de artistas da música sertaneja se tornou objeto de polêmica após uma discussão entre o cantor Zé Neto, da dupla com Cristiano, e a artista pop Anitta.

Em um show, Zé Neto criticou a artista e disse não depender da Lei Rouanet para fazer shows, apesar de já ter feito apresentações bancadas com recursos públicos.

Nenhum comentário:

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

MAIS LIDAS DA SEMANA