menu

connecta

connecta

sábado, 16 de janeiro de 2021

O Golpe do requeijão em Vitoria da Conquista; entenda o caso

 

O golpe do queijo registrado em outras cidades ganhou uma variável em Vitória da Conquista: o golpe do requeijão.
O produto está sendo vendido no Centro da cidade por cerca de R$ 15. Os vendedores são três homens em uma van branca.

É dado para os consumidores provar um requeijão verdadeiro e de qualidade. O comprador acredita que as outras peças também têm. Porém, quando é aberto para ser consumido, o comprador descobre que foi enganado.

O requeijão falso é feito com pouco queijo e “batizado” com amido de milho e polenta, deixando o produto com gosto de uma massa plastificada.

Várias pessoas já caíram no golpe conforme as denúncias que chegam ao Blog do Sena, nesta sexta-feira (15).

O que os golpistas ignoram é que a prática é crime e está prevista no artigo 272 do Código Penal brasileiro, que considera crime, com pena de multa e reclusão de 4 a 8 anos, o ato de “corromper, adulterar, falsificar ou alterar substância ou produto alimentício destinado a consumo, tornando-o nociva à saúde ou reduzindo-lhe o valor nutritivo”.

Quem foi enganado pode denunciar ao PROCON e também à Vigilância Sanitária. É importante que as vítimas deem a localização exata de onde efetuaram a compra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

MAIS LIDAS DA SEMANA