menu

cmp 05/05/2020

cmp 05/05/2020

cido

cido

SUPER CESTA 30/05/2020

sexta-feira, 7 de agosto de 2020

Cesol Chapada Diamantina doa duas mil máscaras para prevenção à covid-19 no município de Piatã



As máscaras foram entregues à prefeitura de Piatã | Foto: Divulgação/Cesol 


O Centro Público de Economia Solidária (Cesol) da Chapada Diamantina iniciou nesta quarta-feira (5) a entrega de máscaras de proteção no município de Piatã, na Chapada Diamantina. A coordenadora do centro na região, Elaine Novais, realizou a entrega de duas mil máscaras de proteção ao prefeito do município, Edwilson de Oliveira (PTB), que serão destinadas para o Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19.
Conforme informações, o ato aconteceu na prefeitura de Piatã e contou com a presença do secretário de Agricultura, Turismo e Meio Ambiente, Jean Cleber Macedo, do presidente do Comitê Municipal, Ricardo Xavier, e das agentes socioprodutivas do Cesol Chapada. A medida de proteção faz parte da campanha do governo da Bahia, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), que já entregou um milhão de máscaras de proteção para 190 municípios baianos.

Segundo a coordenadora Elaine Novais, a ação do Cesol é mais uma parceria junto aos municípios e do Comitê Territorial Popular e Solidário em que o Centro Público atua no território da Chapada Diamantina. “Hoje entregamos duas mil máscaras para agregar ao enfrentamento da covid-19 no município de Piatã, e que serão destinadas ao Comitê municipal. O Cesol está na luta para conter o avanço da pandemia e a utilização da máscara salva vidas, não só a de quem usa, mas também a do próximo. Essa ação promove oportunidades para que possamos vencer esta pandemia”, declara.

No início da semana, o Cesol Chapada também realizou entrega de máscaras de proteção para produtores de alguns empreendimentos de Economia Solidária atendidos pela instituição, nos distritos de Catolés e Ouro Verde, município de Abaíra, e no grupo familiar ‘Cultivida’, em Piatã. Nas próximas semanas, a ação segue para os municípios de Palmeiras e Mucugê.

Governo do Estado da Bahia
Os itens foram confeccionados por 600 profissionais de costura do projeto ‘Trabalhando em Rede no Combate ao Coronavírus’, da Setre, que promove geração de renda e auxilia no controle da pandemia. A produção para as trabalhadoras envolvidas, e incentivar o uso de máscaras que, em conjunto com o distanciamento social e a higienização frequente das mãos, contribui no combate ao coronavírus.

Esse projeto, que conta com a parceria do Ministério Publico do Trabalho, tem investimento de R$3,6 milhões do Fundo de Promoção do Trabalho Decente (Funtrad), e prevê a confecção de 2 milhões de máscaras em quatro polos distribuídos no território baiano. A mão de obra é formada por egressos dos cursos de Corte e Costura do Programa Qualifica Bahia e de projetos do Funtrad, profissionais da área têxtil inseridos no Programa ‘Contrate BA’ e pessoas em situação de maior vulnerabilidade social, como mulheres chefas de família monoparental. 
As Informações são de assessoria.
Via: Jornal da Chapada

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

MAIS LIDAS DA SEMANA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE