menu

adsense


CONECTA

CONECTA

cmp

cmp

clinica

clinica

LAMMAI

SUPER CESTA

quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

Prefeituras de Rio de Contas e Jussiape firmam parceria para gerir recursos do programa Melhor em Casa


Fotos: Hudson Novais

Por Marlúccia Araújo

As prefeituras de Rio de Contas e Jussiape firmaram uma parceria para gerir os recursos do programa Melhor em Casa (SUS) que será implementado a partir do próximo mês. Os gestores municipais: Cristiano Azevedo e Eder Jaques lutam, há três anos, para implantar o PMEC em seus respectivos municípios.

O projeto foi elaborado em 2017, mas a concessão do Governo Federal só veio em dezembro de 2019, através de portaria.
"Como o Programa Melhor em Casa só contempla municípios acima de 20 mil habitantes, convidei o Dr. Eder para unirmos forças, a fim de pleitearmos juntos o programa pra nossas cidades. Com muita luta e graças ao apoio do deputado federal Cláudio Cajado fomos contemplados", esclarece o chefe do executivo de Rio de Contas Cristiano Azevedo.

“ Esta é uma importante conquista para os dois municípios e só foi possível por causa da união, da parceria e da conexão entre Rio de Contas e Jussiape”, declarou o prefeito de Jussiape Eder Jaques.

A secretária de Saúde de Rio de Contas Sara Lafetá assegurou que sua equipe está trabalhando a todo vapor para garantir o atendimento já em fevereiro. “ Estamos dispensando todos os esforços necessários para disponibilizar, com a maior celeridade possível, o serviço para a população até o mês que vem”, disse.

O Programa melhor em Casa é um serviço substituto ou complementar da internação hospitalar. É caracterizado por ações de prevenção e tratamento de doenças, reabilitação, paliação e promoção à saúde, prestadas em domicílio, garantindo continuidade de cuidados.

O objetivo do Melhor em Casa é levar atendimento médico às casas de pessoas com necessidade de reabilitação motora, idosos, pacientes crônicos sem agravamento ou em situação pós-cirúrgica, evitando internações hospitalares desnecessárias e as filas dos serviços de urgência e emergência.

As equipes de cuidadores são formadas, essencialmente, por médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem e fisioterapeuta. Outros profissionais como fonoaudiólogo, nutricionista, terapeuta ocupacional, odontólogo, psicólogo, assistente social e farmacêutico podem também compor as equipes de apoio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

MAIS LIDAS DA SEMANA