menu

adsense


icones redes sociais

CONECTA

CONECTA

cido

cido

clinica

clinica

sexta-feira, 29 de março de 2019

Seabra/BA: PRF realiza a V Etapa da Operação Velocidade Máxima e flagra mais de 600 veículos em excesso de velocidade



As ações foram intensificadas em pontos da rodovia que representaram o maior índice de acidentes graves com mortos e feridos no trecho em 2019 / Foto: Divulgação PRF

Finalizada ontem (28), com início na segunda-feira (25), a operação foi realizada na BR 242 em quatro pontos diferentes da rodovia que corta o estado da Bahia: KM 222 próximo à zona urbana de Itaberaba, KM 241 próximo ao povoado do Zuca, KM 406 próximo à zona urbana de Seabra e KM 441 próximo ao entroncamento de Ibitiara.



Os policiais rodoviários federais fiscalizaram todos os tipos de veículos, com atenção especial para caminhões e carretas, uma vez que no mês de março se iniciou o escoamento de grãos (milho e soja) do oeste da Bahia, com o consequente aumento do fluxo dos veículos de carga na região, além de que, estes veículos correspondem a 70% do tráfego e 85% dos envolvidos em acidentes apenas nos trechos fiscalizados. Foi utilizado na fiscalização o radar portátil da PRF que faz a aferição da velocidade e gera imagem do veículo com a identificação da placa.

Aproximadamente 661 veículos foram flagrados com excesso de velocidade nos quatro pontos fiscalizados, em que velocidade máxima permitida era 60km/h, outros 39 veículos foram autuados por ultrapassagens indevidas.
O excesso de velocidade e a falta de atenção às normas de circulação são apontados em estudos realizados pela PRF como as principais causas dos acidentes, principalmente os acidentes graves que resultam em feridos graves ou em óbito, este último resultado é muito comum quando se trata de colisões frontais decorrentes de ultrapassagens em faixa contínua.
A Polícia Rodoviária Federal busca com ações como estas coibir as condutas irregulares com o objetivo de reduzir o número de acidentes, promover um trânsito mais seguro e assim, preservar vidas.
Fonte:  PRF

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

MAIS LIDAS DA SEMANA