menu

adsense


icones redes sociais

CONECTA

CONECTA

cido

cido

clinica

clinica

terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

PIATÃ/BA: POLíCIA CIVIL INDICIA AUXILIAR DE PASTOR QUE INDUZIU FIEL DA IGREJA UNIVERSAL A TENTAR SUICÍDIO




POLÍCIA CIVIL DA BAHIA
DEPIN
13ª COORPIN/SEABRA
DELEGACIA TERRITORIAL DE PIATÃ-BA

Gleisson Teles de Oliveira, de 22 anos, foi indiciado pela Polícia Civil da Bahia, nesta segunda-feira (25), por ter induzido e instigado uma fiel da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) de Piatã-BA, que passava por depressão e conflitos familiares, a se matar para tirar os demônios de seu corpo. 

Durante apuração da Polícia Civil foi descoberto que Gleisson estava justificando que os problemas da vítima estariam sendo causados por demônios que a possuíram. Com isso, foram sugeridos a ela dois caminhos para se curar: batizar-se na IURD ou morrer para que os demônios não fossem transferidos para seus descendentes.

A vítima disse que já era batizada em outra igreja e passou a acreditar que só lhe restava se matar. Após relatos de testemunhas, descobriu-se que no dia 03/12/2018, ao final de um culto da IURD, enquanto conversava com Gleisson, a vítima tirou uma gilete e cortou seu pulso na frente de Gleisson, que nada fez para impedi-la ou socorrê-la. Parentes da vítima que estavam aguardando-a fora da Igreja perceberam algo estranho e se depararam com ela sangrando, prestando socorro imediatamente. A vítima sobreviveu e ficou com vários tipos de lesões graves e gravíssimas, perdendo movimentos da sua mão.

Os trabalhos investigativos concluíram que a vítima tomou tal atitude desesperada unicamente pela “orientação espiritual” dada pelo Auxiliar de Pastor, que responde em liberdade. Induzir (incutir na mente alheia a ideia do suicídio) ou instigar (reforçar o propósito suicida preexistente) alguém a suicidar-se ou prestar-lhe auxílio para que o faça é crime com pena de prisão de dois a seis anos.
FONTE: DELEGACIA TERRITORIAL DE PIATÃ-BA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

MAIS LIDAS DA SEMANA