icones redes sociais

voz

clinica

clinica

COMPARTILHE COMSEUS AMIGOS

adsense

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Brumadense preso nos EUA se declarou culpado das acusações no caso Telexfree

Foto: Divulgação

O brumadense Cleber Rene Rizério Rocha foi preso em janeiro deste ano, nos EUA, acusado lavagem de dinheiro ligada ao esquema de pirâmide financeira TelexFree.

 Na ocasião, a polícia descobriu $17 milhões escondidos sob um colchão e, em audiência realizada no último dia 11 de outubro, em Massachusetts, ele se declarou culpado das acusações. A prisão de Rocha é fruto de uma investigação sobre a TelexFree, uma empresa com sede em Marlborough (MA), que vendia serviços de telefonia VOIP e foi fundada pelo americano James Merrill e o brasileiro Carlos Wanzeler. Os promotores afirmam que a TelexFree funcionava como um esquema de pirâmide financeira, e quase não lucrava com as vendas do sistema de telefonia, mas arrecadou milhões de dólares de milhares de pessoas que eram recrutadas sob a promessa de que ganhariam muito mais com o investimento. Os promotores alegam que Cleber tentou ajudar o Carlos Wanzeler (co-fundador da TelexFree), a recuperar milhões de dólares deixado para trás quando fugiu para o Brasil. Rocha, que enfrenta acusações de conspiração e lavagem de dinheiro, ficou detido sem direito a fiança desde a sua prisão, em janeiro. De acordo com informações do Brazilian Times, o fato de ele cooperar com a Justiça poderá atenuar a pena do brumadense.
Via: Agora Sudoeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

INÚBIA FOLIA 2018

INÚBIA FOLIA 2018
DIAS 28 E 29 DE DEZEMBRO

MAIS LIDAS DA SEMANA