icones redes sociais

MENU

voz

cido

cido

clinica

clinica

COMPARTILHE COMSEUS AMIGOS

adsense

sábado, 1 de julho de 2017

Mãe confessa que matou filho de 2 anos queimado em lixo por ele se parecer com o pai.


As primeiras informações repassadas a Polícia pela mãe da criança eram de que a morte da criança havia sido um acidente. De acordo a primeira versão de Adriana Coutrim Moreira, mãe da vítima, por volta das 15 horas do dia fatídico o pequeno Alexandre Coutrim Rodrigues brincava no quintal da residência, enquanto ela havia juntado um monte de lixo para colocar fogo, sendo que em certo momento a criança aproveitou o seu descuido e pegou a garrafa com álcool e se aproximou das chamas, momento em que aconteceu a tragédia.

A própria mãe do garoto acionou o resgate e a Polícia, mas ao chegar ao local às autoridades constataram que a criança já estava sem vida. Assim que o caso começou a ser investigado, a versão da mãe da criança começou a cair por terra. Pois a Polícia constatou que na cena do crime havia evidencias que apontavam para um homicídio e não um acidente como havia relatado a mulher.
O desfecho macabro deste caso se deu na tarde desta quarta-feira (29), quando em depoimento concedido por Adriana, na Delegacia da Polícia Civil de Piranhas, a mãe do pequeno Alexandre, confessou ter sido a autora do crime e narrou à forma monstruosa que tirou a vida do próprio filho. Em um vídeo que se espalhou pelas redes sociais, Adriana Coutrim Moreira, 29 anos, narrou em detalhes o assassinato de Alexandre Coutrim Rodrigues, o seu filho de apenas dois aninhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

MAIS LIDAS DA SEMANA: