voz

clinica

clinica

flutuante

COMPARTILHE COMSEUS AMIGOS

redes sociais

MENU

23 de novembro de 2016

Ressonar Festival sobe as montanhas de Piatã na Chapada Diamantina



Última edição do Ressonar Festival, quando ainda era na Cratera, em Lençóis | Foto: Açony Santos 

Ressonar Festival, que já aconteceu numa floresta e num antigo garimpo de diamantes, agora sobe as montanhas de Piatã, cidade mais alta do nordeste. A 9ª edição do maior festival de música eletrônica e experimental da Chapada Diamantina, vai acontecer de 10 a 16 janeiro de 2017, na primeira lua cheia do ano.

Esta será uma edição especial, limitada a 600 bilhetes (adquira aqui) e voltada principalmente para os cursos e vivências. Uma das principais novidades será a localização do evento: no lugar onde aconteceu o primeiro encontro do Rainbow Gathering na América do Sul, em 2003, reunindo, meses depois, mais de três mil pessoas, no Poço do Melado, em Arapiranga-BA. “É um lugar muito puro e com energia forte. E como mostram as pinturas rupestres, Homens viveram ali há mais de 10 mil anos. Com certeza um ótimo lugar para realizar um encontro fundamentado no amor, respeito e principalmente na mãe natureza”, comenta Uirá Menezes, produtor cultural e idealizador do Ressonar.
Uirá conta que a proposta inicial do festival sempre foi ter edições em outros lugares da Chapada, mas que a Cratera Lunar, em Lençóis, acabou ganhando mais edições do que o esperado: “A experiência incrível da lua cheia naquele antigo garimpo branco acabou tornando o festival mais famoso, mas agora estamos voltando ao projeto original. Decidimos que as montanhas de Piatã seriam um cenário perfeito: o clima ameno, a abundância de alimentos orgânicos e a água pura da serra se fundem na síntese do que queremos passar.”
Novos stages
Para esta edição serão criados três novos stages: “Luar” e “Soar”, onde acontecerão shows, jamschillout sessions epsytrance e o “Eclipse”, responsável pelo bom e velho techno underground. O “Budha Hall” virá com cara nova e terá música orgânica e terapias, além de acolher as salas de aulas do festival.
Cursos, palestras e vivências
A programação do evento será dividida em duas partes: nos primeiros dias com palestras, vivências e aulas sobre Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANCs), Bioconstrução, Agrofloresta, Biodança, Teatro etc. E nas últimas quatro noites, com a abertura das pistas de música.
Atrações
A programação musical completa do festival será divulgada na noite de natal, poucos dias antes do evento.
“Estamos trabalhando há meses criando uma programação musical incrível e diversa, com vertentes novas e antigas de música eletrônica, bandas regionais, etc, mas nós acreditamos que a atração principal do festival é o público. Queremos que o público venha para participar da experiência completa e não somente atrás de um DJ ou artista famoso no line-up”, comenta Uirá.
Soundsystem de primeira
O festival contará com o revolucionário sistema de som PURE GROOVE, criado por Tom Danley, um ex-engenheiro da NASA. A potência e precisão das famosas caixas de som, de cor laranja, poderão ser apreciada nos stages “Eclipse” e “Luar”.
Vales, montanhas e cachoeiras
Na região de Piatã, além de ter as paisagens mais incríveis da Chapada, possui também lindos atrativos naturais como cachoeiras, formações geológicas, sítios rupestres, vales e descampados de tirar o fôlego. Piatã é também famosa por ter os cafés mais premiados do Brasil e por no inverno possuir as mais baixas temperaturas da Bahia, podendo chegar a 0 grau em determinadas noites.
Como chegar
Haverá transfers nos dias 9 e 10 de janeiro saindo do aeroporto de Salvador, de Lençóis e de Vitória da Conquista. Pra quem vem de avião, o mais próximo seria pousar em Lençóis e de lá pegar um transfer direto para o festival. O aeroporto de Lençóis, neste período, receberá voos de Salvador todas quartas, quintas, sábados e domingos.
“O Ressonar é uma forma moderna de algo muito antigo, que é se reunir na tribo e celebrar a vida” Uirá Menezes.

PUBLICIDADE



Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

LEIA TAMBÉM: