icones redes sociais

MENU

voz

cido

cido

clinica

clinica

COMPARTILHE COMSEUS AMIGOS

adsense

segunda-feira, 11 de julho de 2016

Piatã-BA: Município comemora 138 anos de emancipação politica



Foto: Reprodução

Conhecida como a cidade mais fria do Estado, com temperaturas que variam de 2º C a 17º durante o inverno, o município de Piatã comemora nesta segunda-feira, dia 11 de julho, seus 138 anos de emancipação política. Piatã tem enorme potencial para o desenvolvimento da floricultura, café de qualidade. A cidade abriga até hoje, uma arquitetura colonial que chama a atenção pela beleza do barroco e a volumetria dos casarões térreos, destacando-se a monumental Igreja Matriz de Bom Jesus.


Foto: Reprodução

ATRAÇÕES- Das muitas belezas naturais da localidade, estão as cachoeiras do Cocho e a do Patrício, além dos poços da Capivara, da Areia, os campos gerais e as serras do Navio, Três Morros e Santana. Para os amantes do folclore e da boa comida, Piatã cultiva suas tradições culturais, como o Terno de Reis e o São João Pé-de-Serra, na culinária o destaque vai para o godó de banana, a galinha caipira e o cortado de mamão.
Contam os historiadores que a fundação do povoado mais velho da Chapada Diamantina se deu das paragens do movimento expansionista luso-brasileiro do século XVII, resultando na penetração dos bandeirantes pelos sertões do Rio de Contas, quando subiam o rio à cata de pedras preciosas e principalmente do ouro, junto à serra de Santana e Tromba, onde havia negros amocambados desde 1680.

Foto: Reprodução


HISTORIA 

No início do século XVII, com a descoberta de grandes jazidas de ouro junto à serra de Santana, foi construída, num planalto formado pelos vales das duas serras (Santana e Tromba), uma igreja com paredes e portais em pedras lavradas. Posteriormente, em torno desse templo, formou-se uma pequena povoação. Muitos foram os bandeirantes que se aventuraram pelos sertões do Rio de Contas e se confrontaram com os gentios que infestavam a região.

Dentre muitos nomes de bandeirantes, destacamos Pedro Barbosa Leal, encarregado pelo vice-rei, o Conde de Sabugosa, de abrir um caminho ligando Rio de Contas a Jacobina. Também conta a história que o capitão-mor Antônio Veloso da Silva, que provavelmente era português, teve intensa atuação nos Sertões da Bahia, com ordem do Governo Baiano para combater índios bravos e negros fugidos. Em 1732, foi imbuído da missão de descer o Rio de contas e conduzir o material da casa de fundição que seria erguida, além de abrir um melhor caminho para aquelas minas. Em 1738, o bandeirante travou um violento combate com os Índios num determinado trecho do rio, fundando ali uma fazenda de gado (hoje Jussiape).

Foi numa expansão descontrolada e silenciosa, que fizeram chegar levas de homens imbuídos da ambição de riqueza no povoado que acentuava progresso e recebia o nome de "Bom Jesus dos Limões", pertencente ao município de "Minas do Rio de Contas". O distrito de Bom Jesus dos Limões foi criado pela lei provincial nº 169 de 25 de maio de 1842, depois teve seu território desmembrado pela lei nº 1 813 de 11 julho de 1878 com a denominação de "Bom Jesus do Rio de Contas".

Em 29 de janeiro de 1916, a lei municipal nº 31 aprovou a lei nº 1 162 e criou o distrito de Ipiranga (hoje Inúbia). Em 8 de julho de 1931, com o decreto estadual nº 7 479, Bom Jesus do Rio de Contas passou a se denominar Anchieta. Já em 1934, no dia 29 de maio, o decreto-lei estadual nº 8 940 criou, na sede do Arraial de Cana Brava dos Gatos, o distrito de Cabrália. Em 31 de dezembro de 1943, o decreto-lei estadual nº 141 deu o nome ao município e à sede, que passou a se chamar pelo topônimo de Piatã. Em 1962, perdeu parte de seu território com a emancipação de Abaíra e Boninal.

Desde de sua emancipação até os dias de hoje, Piatã teve, como prefeitos:

Padre Manoel Joaquim Santana
Joaquim Hermínio Pereira
Arnulfo Soares
João Hipólito Rodrigues
Lindolfo Xavier
Adércio Novais
Luiz Viana Xavier
Benevenuto Matos
Luiz Viana Xavier
Arquimedes Almeida
Jaime de Oliveira Rosa
Arquimedes Almeida
Jaime de Oliveira Rosa
Edemar Lúcio Ribeiro Martins
Jaime de Oliveira Rosa
Alencar Julião Dias Filho
Edwilson Oliveira Marques (atualmente)
Parabéns Piatã !!!!!
Inúbia News

PUBLICIDADE










Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

MAIS LIDAS DA SEMANA: