icones redes sociais

MENU

voz

cido

cido

clinica

clinica

COMPARTILHE COMSEUS AMIGOS

adsense

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Dançarino Nego Pom, da banda Guetto é Guetto, é morto com pedradas e tiro na cabeça



Foto: Reprodução

O dançarino e backing vocal da banda Guetto é Guetto, Marcos Vinícius Santos de Jesus, de 32 anos, foi baleado na tarde da última terça-feira (21) em Nova Constituinte, região do bairro de Periperi, no Subúrbio de Salvador. De acordo com informações da Central de Polícia, Marcos Vinícius, conhecido como Nego Pom, foi socorrido por uma viatura da 18ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) para o Hospital do Subúrbio e não há informações oficiais sobre seu estado de saúde. Segundo a Central, ele foi baleado na cabeça e várias pedras foram achadas perto do dançarino. O crime aconteceu por volta das 15h30 de hoje e a polícia investiga a motivação e autoria do crime a partir de hipóteses sugeridas por testemunhas e amigos. Nego Pom também atuava como backing volcal da banda de pagode. 

No fim da noite da última terça-feira (22), o vocalista da banda Danilo Ferreira Trindade, conhecido como Chiclete Ferreira, foi quem informou a morte do amigo nas redes sociais."Deus, esse cara que tá do seu lado olhando pra baixo ele é o meu parceiro. Vai em paz meu irmão, eu vou te amar eternamente e sua alegria vai morar em me pra sempre, não estou em condições de escrever mais nada. Apenas te amo meu ETERNO PARCEIRO a nossa estrela tatuada no meu ombro, hoje está no céu e brilhando muito, cuida de todos ai de cima EU TE AMO, MEU AMIGO, IRMÃO, EU TE AMO, EU TE AMO", disse ele. Mais tarde, Chiclete publicou uma foto informando que o Marcus teria se recuperado, mas logo depois novamente informou o falecimento do rapaz. “Que deus bote ele em um bom lugar & conforte toda a família dele", escreveu. 
Fonte: Bahia Noticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do PORTAL INÚBIA.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

MAIS LIDAS DA SEMANA: